log in

Pacotes

Liveaboard - Isla de Guadalupe (Sea Scape)

REF: 095-0135

5

dias

4

noites

Incluido neste pacote

liveaboard

mergulho

A partir de

US$ 2.730,00 + taxas

Solicite mais informações

Isla Guadalupe, como os pescadores locais a chamam, está rapidamente se tornando um dos melhores locais para encontros com os grandes tubarões brancos, não só por causa de suas aparições constantes mas também por causa da fantástica visibilidade que na média oscila entre 20 e 40 metros ao longo do ano. Oferecemos três cruzeiros ao ano para Isla Guadalupe, onde teremos a presença de um especialista em tubarões do Instituto de Pesquisa de Tubarões da região, que fará palestras oferecerá informações valiosas sobre esta magnífica e incompreendida criatura. 

Sobre o Cruzeiro:

O embarque no Sea Scape acontecerá às 11:30h, e depois da inspeção por parte das autoridades locais, iniciaremos nossa navegação rumo a Guadalupe. A chegada está prevista para 08:00h do dia seguinte. Após a ancoragem, a tripulação colocará as gaiolas na água e os mergulhos acontecerão entre às 09:00 e 17:00h, quando as gaiolas são retiradas da água. Este procedimento se repetirá no dia seguinte. O terceiro dia de mergulho termina às 14:30h, quando as gaiolas são retiradas da água e a navegação de retorno a Ensenada terá início.

 

Chegando lá, Passaportes e Vistos e Documentação: 

A melhor opção é planejar a viagem via EUA, tendo como base San Diego ou Tijuana. Levando em consideração a passagem pelos Estados Unidos, o que obriga a obtenção de visto americano e porte de passaporte válido por, no mínimo, seis meses.

 

Chegada / embarque / saída: 

No dia agendado, por volta das 08:30h (em San Diego) ou 09:00h (em Tijuana), em hotéis sugeridos, uma van irá busca-lo. Haverá uma parada na fronteira, em San Ysidro, a fim de se obter o visto mexicano. O Embarque no Sea Escape está previsto para 11:30h. Já o desembarque será por volta das 11:00h, e depois da passagem pelas autoridades de imigração você tomará seu transfer de volta para Tijuana ou San Diego.

Sea Scape

Sea Escape é uma embarcação de alumínio com 110 pés de comprimento construído originalmente como um barco de abastecimento para os campos de petróleo no Golfo do México. Mais tarde, ela foi convertida em uma liveaboard de pesca esportiva também no Golfo, e depois de adquirida pelo Club Cantamar, foi realocada para Baja Californi onde sofreu uma completa reforma para atender as demanda de um liveaboard de mergulho. O Sea Scape conta com um completa infra estrutura de mergulho a bordo, como uma estação de recarga composta de um Ingersol Rand e um compressor Bauer de backup, cascata, misturador para Nitrox e 12 tanques de oxigênio. A nossa espaçosa sala de estar permitirá você assistir a filmes, rever suas fotos ou relaxar lendo um bom livro ou jogando com seus amigos.

Isla Guadalupe

A Ilha de Guadalupe é uma ilha vulcânica de 253,8 km² localizada a 241 km da costa da península de Baja California, no oceano Pacífico, costa oeste do México. Possui uma grande incidência de tubarões-brancos nas suas águas. Guadalupe tem uma paisagem acidentada. É constituída por dois antigos vulcões sobrepostos, sendo o vulcão do norte maior e mais jovem. A ilha mede 35 quilômetros (22 milhas) ao norte-sul e até 9,5 km (5,9 milhas) a leste-oeste, com uma área total de 243,988 km2 (94,204 sq mi). Possui uma cadeia de altas montanhas vulcânicas, que atingem uma altura de 1.298 metros (4.259 pés) em sua extremidade norte (Monte Augusta). Sua contraparte menor no extremo sul aos 975 metros (3.199 pés), o El Picacho. A parte sul da ilha é estéril, mas existem vales férteis e árvores na parte norte. A ilha tinha é uma área de conservação da natureza desde 16 de agosto de 1928, tornando-se uma das reservas mais antigas no México. Erradicação das cabras foi por muito tempo prevista, mas as dificuldades logísticas, como o tamanho da ilha e da falta de pontos adequados para pouso e caçadores acampados e materiais impediram isso. Em Junho de 2005, depois de muitos anos de falsos começos, o governo mexicano completou a evacuação da população de cabras restantes, e Guadalupe foi designada uma reserva da biosfera. Muitas espécies insulares ou marítimas que residem em Guadalupe são também frequentes nas Ilhas do Canal, e vice-versa. Em contraste com a extinção desenfreada da vida terrestre, Guadalupe era o último refúgio para o elefante marinho do norte (Mirounga angustirostris) e para as focas de Guadalupe (Arctocephalus townsendi) na década de 1890. A ilha tem sido um santuário para este animais desde 1975. Guadalupe também é considerado um dos melhores pontos do mundo para avistamentos do grande tubarão branco, possivelmente por causa de sua grande população de mamíferos marinhos.