log in

Pacotes

Liveaboard - BVI (Cuan Law)

REF: 089-0102

7

dias

6

noites

Incluido neste pacote

liveaboard

mergulho

A partir de

US$ 3.330,00 + taxas

Solicite mais informações

BVI oferece mais de cem pontos de mergulho para todos os padrões. São dezenas de ilhas e inúmeros ancoradouros abrigados. A cada novo cruzeiro o Capitão ouve o que cada um tem a dizer e levando em conta o tempo e outras circunstâncias prevalecentes, ele vai adequar o cruzeiro para que o grupo tenha a melhor viagem possível. Assim, o exemplo abaixo não é fixo, mas vai lhe dar uma idéia do que acontecerá durante sua semana a bordo:

 

Dia 1 – Navegação a vela para Cooper Island com almoço e orientações gerais sobre o cruzeiro. Serão feitos dois mergulhos, sendo um no entardecer e outro noturno;

Dia 2 – Navegação para Salt Island para mergulhos no naufrágio do Rhone;

Dia 3 – Navegação até a desabitada Ginger Island, para dois grandes mergulhos. Na sequencia navegaremos até Long Bay, na Virgin Gorda Island, para um mergulho noturno;

Dia 4 – Navegação, durante o café da manhã, em direção ao naufrágio do Chikuzen, 10 milhas em direção ao Atlântico. Este é um mergulho que para muitos é o melhor do BVI. Navegação de volta para Muskmellon Bay, em Guana Island;

Dia 5 - Mergulho em vários pontos durante a manhã. A tarde navegação a vela para The Dog Island, para um mergulho noturno;

Dia 6 – Navegação de volta a The Baths, em Virgin Gorda, para um excelente mergulho em Round Rock e The Blinders. Na sequencia um grande churrasco na praia, e para aqueles que não voar no dia seguinte nós oferecemos mais de mergulho. Faremos então uma navegação a vela no pôr do sol para Peter Island, onde passaremos nossa última noite a bordo;

Dia 7 - Se for solicitado, e para aqueles que não irão voar, faremos um mergulho “de madrugada”, antes de navegar de volta para Tortola.

Cuan Law

O Cuan Law é uma embarcação espetacular. De propriedade de Duncan e Annie, que trabalham com liveaboards, mergulho e vela desde 1970. Eles acreditam que o Cuan Law é o maior trimarã a vela do mundo, que foi projetado e construído no Canadá. O barco oferece aos seus passageiros muito mais do que um simples cruzeiro por um paraíso no Caribe. São 10 cabines, divididas entre as configurações com camas de casal ou duas de solteiro, um super longe e um impressionante top deck.

 

Características da embarcação:

Comprimento no deck: 105 feet

Boca: 44 feet

Área Vélica: 5,200 sq. feet

Motorização: 02 x 210 hp Caterpillar

Velocidade de Curzeiro: Com motores: 8-10 nós / A vela 6-14 nós

Ilhas Virgens Britanicas

As Ilhas Virgens Britânicas são territórios britânicos ultramarinos nas Caraíbas, que corresponde à metade oriental das Ilhas Virgens (as maiores são Tortola, Virgem Gorda e Anegada). Faz fronteira marítima com as Ilhas Virgens Americanas, a oeste. A leste, a Passagem Anegada separa-as de outro território britânico: Anguilla.

As Ilhas Virgens foram primeiramente colonizadas por índios Arawak da América do Sul por volta de 100 a.C. O primeiro europeu a avistar as Ilhas Virgens foi Cristóvão Colombo em 1493 em sua segunda viagem para as Américas. Colombo deu-lhes o extravagante nome de Santa Ursula y las Once Mil Vírgenes.

As ilhas britânicas foram consideradas principalmente uma possessão estratégica, em uma época em que as condições econômicas eram particularmente favoráveis. Os britânicos introduziram a cana-de-açúcar que tornou-se a atividade principal e fonte de comércio com o estrangeiro, e escravos foram trazidos da África para trabalharem nas plantações canavieiras.

BVI, como são conhecidas as Ilhas Virgens Britanicas (do inglês, British Virgin Islands), são o que se pode chamar de um destino exclusivo no Caribe.